Publicidade

sexta-feira, 24 de julho de 2015 Filmes, Notícias | 15:58

Confira o primeiro trailer de “Condado macabro”, promissor filme de terror nacional

Compartilhe: Twitter

Há quem reclame, com certa razão, da predominância de comédias brasileiras nas salas exibidoras do país. Mas o cinema brasileiro é muito mais diverso e multifacetado do que o circuito comercial faz crer. Muita coisa boa ou não é lançada comercialmente ou fica restrita ao chamado circuito de arte no eixo Rio/SP. Basta um rápido olhar à filmografia do ator Irandhir Santos para confirmar que há muita coisa boa sendo produzida no Brasil além de comédias rasgadas.

“Condado macabro”, primeiro longa de Marcos Britto e André de Campos Mello na direção de longa-metragens, é um filme de terror cheio de referências a clássicos oitentistas do gênero premiado no último Fantaspoa (Festival Internacional de Cinema Fantástico de Porto Alegre) e que teve seu primeiro trailer divulgado.

Fotos: divulgação

Fotos: divulgação

Condado 2

O filme ainda não tem lançamento comercial definido, mas integra a programação do 10º Festival de Cinema Latino-Americano de São Paulo que acontece entre os dias 30 de julho e 5 de agosto.

Na trama, um grupo de jovens vai passar o feriado em um imóvel alugado em uma cidade interiorana e acaba virando alvo de um grupo sádico. O rosto mais reconhecível do elenco é do ator Leonardo Miggiorin, de novelas como “Insensato coração” e “Viver a vida”. Mais sobre o filme em breve no Cineclube.

Autor: Tags: , , , ,

9 comentários | Comentar

  1. 59 Bruno 22/06/2016 20:27

    como ano fazer um filme ruim… e usando muito dinheiro…cara .. faltou verdade nesse filme e muita verdade ninguem vai comprar essa historia

    Responder
  2. 58 nane louro 11/11/2015 9:30

    …. apesar de todos os problemas que temos para realizar filmes bons no Brasil….esse filme vale a pena assistir…eu vi e é mto legal…com doses de comédia e terror…assistam !!!

    Responder
  3. 57 Lucas 27/07/2015 12:16

    Parece interessante! Porém meio bobo! Não sou muito fã desse estilo – embora curta os grandes clássicos. Gosto do título. Me despertou curiosidade! Vou ver!
    Realmente no trailler existe um lado bobagem – mas um lado mais pesado com os dois atores mais velhos – acho que já vi esses atores em algo diferente.

    Responder
    • Jean Carlos 31/07/2015 21:07

      Parece interessante…porém meio bobo….não sou muito fã desse estilo…me despertou curiosidade….vou ver…..

      Putz!!!!!

      Perdoo se tiver uns 10 anos.

      Responder
  4. 56 Déo Teixeira 25/07/2015 7:51

    O cinema brasileiro me deixa entre a tristeza e vergonha. Tristeza por contar na maioria das vezes com pouco dinheiro de órgãos culturais públicos para sua realização. Será que o investidor privado não confia nos resultados de nosso cinema? Vergonha por causa dos roteiros pobres, repetitivos e pouco criativos, e nisso, todo diretor tem sua dose de culpa por aceitá-los. Diante de todas essas limitações só podemos esperar filmes ruins que nos decepcionam enquanto brasileiros. O trailler desse filme que se passa em um CONDADO (que não existe no Brasil) me deixou assustado – não com as cenas macabras -, sim com a possibilidade de ser mais uma película que contribuirá para engrossar o número de pessoas que se decepcionam com o cinema brasileiro. Como eu!

    Responder
    • Bráulio 31/07/2015 21:04

      Ótimo comentário de um pré conceito….

      Responder
  5. 55 Pedro Souza 24/07/2015 23:53

    Acho que tem muitos ‘críticos’ oportunos. Ora, primeiro vão assistir o filme para fazer juízo de valores, senão a crítica é suspeita e fundamentada em pré-conceito. Segundo, não adianta esperar algo tão original, se a própria industria de cinema, filma, refilme seus próprios filmes. Pior, não venham comparar com Hollywood. Aqui o Brasil, poucas empresas canalizam quase toda a verba pública, e oprimem iniciativas originais. Financiamento privado é piada no Brasil. No entanto, eu quero acreditar que exista espaço para filmes que não seja apenas comédia, biografia ou religiosos. Quero acreditar que podemos fazer filmes de aventura, suspense e ficção sem serem apenas curtas metragens. Boa sorte aos produtores. Espero que passe nas salas de Porto Alegre. Já divulguei o mesmo em meu perfil do Facebook.

    Responder
  6. 54 Anderson 24/07/2015 23:17

    Um filme de terror BRASILEIRO seria interessante tendo como personagens a mula sem cabeça. o saci pererê e outros personagens do nosso folclore. Mas acho que infelizmente uma produção assim sofreria resistência por parte de setores “politicamente corretos”, que alegariam estarem estragando a cultura brasileira.

    Responder
  7. 53 julio 24/07/2015 21:51

    vão desculpar, mas assemelha-se a muito filme norte-americano que já passou mil vezes, não tem novidade ou apresenta alguma originalidade do Brasil …. condado ?!

    Responder
  8. 52 Danilo 24/07/2015 17:53

    A história me lembrou “A Casa de Cera” e a caracterização remete ao “Você é o Próximo”.

    Responder
  9. 51 Jairo 24/07/2015 17:26

    Legal! Parece bom…vou ver se consigo assistir mas só tem um probleminha…. não podia ser outro nome..tipo…cidade macabra….município….vila… não existe condado no Brasil…(que se saiba).

    Responder
    • Condado Macabro 24/07/2015 20:06

      Olá, Jairo.

      A ideia do filme desde o princípio foi, além de prestar uma homenagem ao gênero slasher, brincar com os clichês de filmes de terror norte-americanos.

      O título foi muito debatido entre a produção e acabamos indo com a versão de trabalho justamente para passar essa ideia. O cinema tem o poder de deturpar a realidade e, ainda assim, continuar verdadeiro ao que propõe.

      Espero que assista e goste do filme.

      Abraços da produção.

      Responder
    • Nando 24/07/2015 19:41

      Aham…tá…agora, senta lá Claudia.

      Responder
  1. ver todos os comentários
 

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

* Campos obrigatórios


 

Responder comentário


* Campos obrigatórios