Publicidade

sexta-feira, 18 de setembro de 2015 Curiosidades, Notícias | 07:00

Mostra em São Paulo destaca a importância da montagem para o cinema

Compartilhe: Twitter
Evento tem debates abertos ao público (Foto: divulgação)

Evento tem debates abertos ao público
(Foto: divulgação)

O grande cineasta russo Sergei Eisenstein (1898-1948) estabeleceu-se como o primeiro e mais influente teórico da montagem no cinema. Com seus primeiros filmes, “A greve” (1924), “O encouraçado Potemkin” (1925) e “Outubro” (1927) formou as bases para a sua teoria, composta por cinco tipos: métrica, rítmica, tonal, atonal e intelectual.  Eisenstein e esses preceitos são destaques da mostra Cinema de montagem, que está em cartaz em São Paulo até o dia 23/09 e depois segue para temporada no Rio de Janeiro entre os dias 6 e 18/10.

“Nos filmes agendados para exibição é possível deparar-se com vários estilos de abordagem do material bruto (importância histórica ou origem) e de montagem, com uma seleção concentrada nos objetos em si, na relevância que supomos terem em termos de contribuição artística e técnica”, observa a curadoria na apresentação exposta no site do evento.

Eisenstein é representado com “Outubro”, mas há outros filmes de irrepreensível importância histórica para o cinema e para a evolução do ofício da montagem como “O signo do caos”, de Rogério Sganzerla e editado pelo próprio em parceria com Sylvio Renoldi; “Encurralado”, de Steven Spielberg e editado por Frank Morris; e “Limite”, montado e dirigido por Mário Peixoto.

Neste fim de semana o evento disponibilizará aulas gratuitas com os montadores Paulo Sacramento (“Amarelo manga”) e Idê Lacreta (“Riocorrente”). Não é necessário se inscrever previamente para participar das aulas.

Em São Paulo, a mostra está em exibição no Cine Caixa Belas Artes, todos os dias, das 13h30 às 23h30. O preço do ingresso custa R$ 14, estudantes pagam meia (R$ 7).  Quando chegar ao Rio, a mostra será sediada nos cinemas 1 e 2 da Caixa Cultural Rio de Janeiro e o preço do ingresso barateia: R$ 4.

Autor: Tags: ,

Nenhum comentário, seja o primeiro.

 

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

* Campos obrigatórios


 

Responder comentário


* Campos obrigatórios