Publicidade

sábado, 7 de maio de 2016 Análises, Atores, Bastidores | 17:33

Após aposentar Homem-Aranha, Andrew Garfield se reinventa como ator em Hollywood

Compartilhe: Twitter
Foto: reprodução/Eonline

Foto: reprodução/Eonline

Há uma máxima em Hollywood de que há bons atores e há atores com bons agentes. Mas nem tudo é tão preto no branco assim e um caso exemplar disso é o americano Andrew Garfield. Prestes a completar 33 anos, Garfield já tem ares de veterano em Hollywood após aposentar-se do papel de Peter Parker/ Homem-Aranha. O ator deu vida ao personagem no reboot da franquia pela Sony nos filmes “O Espetacular Homem-Aranha” (2012) e “O Espetacular Homem-Aranha 2 – A Ameaça de Electro” (2014).

Ator com insuspeitos recursos dramáticos, Garfield debutou roubando a cena de Robert Redford, Meryl Streep e Tom Cruise em “Leões e Cordeiros” (2007), um drama que objetivava problematizar os obscuros anos Bush que mergulharam os EUA em intermináveis guerras no Oriente Médio. “Não me Abandone Jamais” e “A Rede Social”, ambos de 2010, foram filmes que mostraram todo o potencial de Garfield como intérprete. Para além do carisma, ali estava um ator capaz de navegar entre a vulnerabilidade do personagem e a potência dramática do registro. Alguém que podia submergir em uma situação para surgir renovado na cena seguinte. Uma presença de cena, enfim, robusta e fornida que assaltava a atenção da plateia.

Não foi à toa que ele foi a primeira opção da Sony para assumir o papel até então defendido por Tobey Maguire. Mas a saga do Aranha no cinema, apesar de Garfield ter sido o único acerto indiscutível dessa reimaginação, não foi positiva para o ator. Durante o período em que foi o Aranha, o americano se afastou daquele caminho que estava construindo no cinema. Quando a Sony resolveu reiniciar novamente a história do Aranha no cinema, agora com Tom Holland, Garfield se viu libertado de um paradoxo.  Este que o aferia status de astro, mas o afastava de projetos de pedigree.

Leia também: Temos um Homem-Aranha, e agora?

Scorsese e Garfield: curadoria de Scorsese transformou carreira de DiCaprio

Scorsese e Garfield: curadoria de Scorsese transformou carreira de DiCaprio

“Silence”, novo e aguardadíssimo filme de Martin Scorsese, e “Hacksaw Ridge”, nova incursão de Mel Gibson na direção, que chegam no final deste ano nos EUA, já estavam em seu radar quando ele ainda era o Aranha, mas nesta semana o ator acertou detalhes para estrelar dois novos e promissores projetos.

São eles “Breathe”, que marcará a estreia de Andy Serkis na direção, e “Under the Silver Lake”, novo longa de David Robert Mitchell, responsável por um dos grandes filmes de 2015, “Corrente do Mal”.

A colaboração com cineastas prodigiosos, consagrados ou revelações, é imperiosa para que um ator desenvolva mais e mais seus recursos e fundamentos. Mais importante ainda, é eleger projetos que permitam exercitar sua musculatura dramática. Garfield é bom ator, mas Hollywood é capciosa e exige constante convalidação de predicados. O americano, por meio de suas escolhas, parece mais consciente disso do que nunca.

Autor: Tags: , ,

7 comentários | Comentar

  1. 57 Vídeo brinca com rivalidade entre intérpretes do Homem-Aranha e viraliza | NOTÍCIAS BARRA DO GARÇAS 20/12/2016 17:22

    […] MAIS: ?Após aposentar super-herói, Andrew Garfield se reinventa como ator em […]

    Responder
  2. 56 Vídeo brinca com rivalidade entre intérpretes do Homem-Aranha e viraliza | LUCAS URGENTE 20/12/2016 17:15

    […] MAIS: ?Após aposentar super-herói, Andrew Garfield se reinventa como ator em […]

    Responder
  3. 55 Bruna 10/05/2016 11:29

    Andrew é ótimo ator,quem viu Never Let Me Go,A Rede Social,99 Homes sabe disso.
    E foi um ótimo spider man,estou ansiosa pra ver ele nesses novos projetos,ele é talentoso demais e merece ser mais reconhecido

    Responder
  4. 54 Kamila Azevedo 08/05/2016 20:40

    Reinaldo, que maravilha ver o destaque sendo dado à Andrew Garfield, por aqui! Acho que, quando eu penso nele, me vem à mente um ator comprometido, que nunca abriu mão do que ele acreditava, tanto que ele tem uma filmografia até bastante curta para alguém tão talentoso e da idade dele. Ou seja, ele só faz aqueles projetos em que ele realmente acredita. E isso eu admiro demais nele! Ansiosa pelos próximos projetos dele, até mesmo por aqueles que ainda não chegaram por aqui, como “99 Homes”.

    Responder
  5. 53 Andrea 08/05/2016 6:06

    Em tempos de abreviações e imediatismos, que alívio (e como faz bem!) ler um texto em português bem escrito!

    Obrigada por lembrar-nos a beleza da última flor do Lácio.

    Responder
  6. 52 P/ Q INTETESSA MEU NOME 07/05/2016 22:35

    Vai dormir colega….depois que fizeram a palhaçada de desrespeitar a história… Fazer 7m remendo com esse último….não se pode esperar muito…melhor Voltar a Lee os quadrinhos….

    Responder
  7. 51 Q interessa meu nome 07/05/2016 21:45

    Pena que a sequência do Homem Aranha com o Garfield ficou em aberto.

    No final do segundo filme, após a prisão de Electro, o Aranha saía para resolver um novo problema, deixando claro que haveria um terceiro filme com ele no elenco.

    Estou esperando até agora.

    Responder
  1. ver todos os comentários
 

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

* Campos obrigatórios


 

Responder comentário


* Campos obrigatórios