Publicidade

Posts com a Tag Harrison Ford

quarta-feira, 6 de julho de 2016 Atores, Curiosidades | 07:00

Ícones do cinema de ação, Stallone, Diesel, Statham, Ford e Schwarzenegger fazem aniversário em julho

Compartilhe: Twitter
Stallone em uma de suas cenas mais memoráveis: ator chega aos 70 anos no melhor momento da carreira (Fotos: divulgação)

Stallone em uma de suas cenas mais memoráveis: ator chega aos 70 anos no melhor momento da carreira
(Fotos: divulgação)

Nesta quarta-feira (6), um dos maiores ícones do cinema de ação completa 70 anos de idade. Estamos falando, é claro, de Sylvester Stallone. O ator americano, que voltou aos holofotes no início do ano ao ganhar o Globo de Ouro e concorrer ao Oscar por interpretar o icônico Rocky Balboa em “Creed: Nascido para Lutar”, chega aos 70 anos com muita saúde e disposição. Além de estar plenamente ativo em Hollywood. Ele está creditado em quatro filmes que serão lançados até o fim de 2017, entre eles a aguardada sequência de “Guardiões da Galáxia”.

O mais curioso desse mês de julho é que ele reúne entre seus aniversariantes estrelados, muita testosterona. Além de Stallone, outros ícones do cinema de ação sopram velinhas no mês. São eles Harrison Ford, que completa 74 anos no próximo dia 13; Vin Diesel, que no dia 18 faz 49 anos; Jason Statham, que também chega aos 49 anos no dia 26; e Arnold Schwarzenegger. O gigante austríaco, ex-governador da Califórnia e eterno exterminador do futuro completa 69 anos no dia 30.

Stallone, Statham e Schwarzenegger em cena de "Os Mercenários": todos sopram velinhas em julho

Stallone, Statham e Schwarzenegger em cena de “Os Mercenários”: todos sopram velinhas em julho

Caprichos do destino ou não, julho pode ser percebido como o mês da ação no cinema e o canal Megapix teve esse estalo e programou a exibição de filmes estrelados por esses astros para os dias de seus aniversários. A brincadeira começa nesta quinta-feira (6) com “Rocky IV”, que será exibido às 11h25. No dia 13, o canal exibe “Indiana Jones e a Última Cruzada” às 10h55. O super badalado “Velozes e Furiosos” é a escolha para homenagear Vin Diesel no dia 18 às 12h10. O inglês Statham é celebrado com “Corrida Mortal” às 12h05 no dia 26. A maratona de homenagens se encerra com “O Exterminador do Futuro 3: A Rebelião das Máquinas” às 14h30 do dia 30.

Como Sylvester Stallone chega à empoderada marca dos 70 anos, vale a pena estender as comemorações com os filmes disponíveis no Telecine Play.  Além de todos os filmes da franquia eternizada pelo astro, “Rocky – Um Lutador”, “Rocky II – A Revanche”,” Rocky III – O Desafio Supremo”, “Rocky IV” , “Rocky V” e “Rocky Balboa”, estão disponíveis na plataforma online outros títulos de seu extenso currículo como “Os Mercenários 3”, “Rota de Fuga” – em que divide a cena com Schwarzenegger, “Daylight” e “Oscar – Minha Filha Quer Casar”.

Celebrar algumas das figuras mais icônicas do cinema de ação no mês de julho parece um ritual necessário para quem curte o gênero. Não vai faltar adrenalina!

Autor: Tags: , , , , , , ,

sábado, 28 de fevereiro de 2015 Análises, Notícias | 07:00

Sequências de “Alien” e “Blade Runner” geram boas perspectivas

Compartilhe: Twitter

bladeHá quem acredite que não se deveria mais mexer na mitologia de “Alien”. Ridley Scott expandiu o universo que já rendera quatro filmes com “Prometheus” (2012), um filme que nunca atinge sua potencialidade, mas tampouco faz feio. Antes mesmo de “Prometheus”, que já tem sequência confirmada, já havia um zum zum zum em torno de um novo “Alien”. Ridley Scott estava cotado para dirigir caso a Fox aprovasse um novo filme. As coisas aconteceram meio por acaso. O cineasta sul-africano Neill Blomkamp (“Distrito 9” e “Elysium”) publicou em suas redes sociais artes conceituais que ele mesmo fizera para o caso de dirigir um filme da franquia. Poucas semanas depois, mais precisamente em 19 de fevereiro, a Fox anunciou que haveria uma nova sequência de “Alien” com Blomkamp na direção e Scott ocupando a produção executiva.

Corta para a noite da última quinta-feira (26). A Alcon Entertainment, que adquirira os direitos de “Blade Runner – o caçador de androides” (1982), em 2011, anunciou que faria uma sequência e que Harrison Ford reprisaria seu papel como Rick Deckard. A direção ficará a cargo do canadense Dennis Villeneuve, de “O homem duplicado”. Filme que certamente funcionou como a melhor das credenciais para Villeneuve.

Desde que comprou os direitos sobre “Blade Runner”, muito especulou-se que a Alcon estaria interessada em rodar uma prequela da trama do filme de 1982. Ridley Scott também atuará na produção executiva servindo como um consultor de luxo.

“Alien” e “Blade Runner” têm mais do que Ridley Scott em comum. São filmes revolucionários, na linguagem e na forma, e seminais na arquitetura de uma ficção científica mais independente e altiva.

Arte conceitual de Blomkamp para o novo filme da franquia "Alien"

Arte conceitual de Blomkamp para o novo filme da franquia “Alien”

Mais uma imagem da visão de Blomkamp para "Alien"

Mais uma imagem da visão de Blomkamp para “Alien”

Harrison Ford voltará a viver Rick Deckard, mas pode se desligar em definitivo de outro icônico personagem. Há uma onda de boatos ganhando cada vez mais força em Hollywood de que Steven Spielberg trabalha para dirigir uma nova versão de “Indiana Jones” com Chris Pratt (“Guardiões da galáxia”) como Indy.

Hollywood, como diriam as más línguas, não sabe largar o osso. Mas especificamente sobre os novos “Alien” e “Blade Runner”, as perspectivas são as melhores possíveis. Blomkamp é fã confesso dos dois primeiros filmes – o segundo foi dirigido por James Cameron – e já anunciou que seu filme deve desconsiderar os eventos das terceira e quarta produções. Blomkamp é um dos últimos nomes realmente promissores a emergir na cena da ficção científica e sua devoção à essência de “Alien” e especialmente o trabalho apresentado em “Distrito 9” são razões que fundamentam o otimismo.

Villeneuve é um dos diretores mais inventivos e inteligentes a ter pisado em Hollywood. Depois de ir ao Oscar com o drama canadense “Incêndios”, ele debutou no mainstream americano com o tenso e intenso “Os suspeitos” (2013), estrelado por Hugh Jackman como um pai à procura de sua filha sequestrada. Seu filme seguinte, “O homem duplicado”, uma adaptação de Saramago, versava sobre identidade – tema caro ao universo de “Blade Runner”.

Esses filmes não precisariam de novos desdobramentos ou capítulos, mas já que esse é um caminho inevitável no negócio do cinema, essas relíquias cinematográficas não poderiam ter sido entregues a melhores mãos.

Autor: Tags: , , , , , , ,