Publicidade

Posts com a Tag homossexualidade

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015 Notícias | 22:40

Primeira imagem de Eddie Redmayne em “The danish girl”

Compartilhe: Twitter

Eddie Redmayne está sob os holofotes e depois de ser premiado com o Oscar por uma atuação cheia de fisicalidade em “A teoria de tudo”, no qual interpretou o físico Stephen Hawking, o ator inglês de 33 anos está gravando “The danish girl”, novo filme do diretor Tom Hooper, com quem já trabalhara em “Os miseráveis” (2012).

Na produção, a fisicalidade será novamente um eixo central na composição do ator que fará um homem que se submete à uma cirurgia para mudar de sexo.

O filme mostra a vida do pintor dinamarquês Einar Wegener que, em 1931, foi uma das primeiras pessoas a se submeter a uma cirurgia de mudança de sexo, tornando-se uma mulher e passando a se chamar Lili Elbe.  A estreia está prevista para 2016, mas a primeira imagem de Redmayne travestido foi liberada agora na esteira de sua semana vitoriosa.

(Foto: divulgação)

(Foto: divulgação)

Como curiosidade, fica o registro de que Nicole Kidman estava envolvida com o projeto e ela seria a protagonista enquanto a produção estava sob os cuidados do cineasta sueco Thomas Alfredson (“O espião que sabia demais”). Os direitos da produção, adaptado do livro de David Ebershoff, passaram por muitas mãos em Hollywood até pararem sob a guarida de Hooper e o projeto receber sinal de verde.

O belga Matthias Schoenaerts (“Ferrugem e osso”) e a americana Amber Heard (“Fúria sobre rodas”) completam o elenco da produção.

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 27 de novembro de 2014 Atores, Notícias | 05:00

James Franco viverá ativista homossexual que vira evangélico anti-gay em “Michael”

Compartilhe: Twitter
Foto: Reprodução/Instagram

Foto: Reprodução/Instagram

Não será a primeira vez que James Franco dará vida a um personagem homossexual no cinema. O ator, diretor, roteirista, produtor e explorador de tantas outras manifestações artísticas, no entanto, prepara sua mais barulhenta incursão pelo universo homossexual. Em “Michael”, filme atualmente em produção, Franco viverá o personagem título que vivia uma vida hedonista  ao lado do namorado (Zachary Quinto) e atuava em prol da causa gay com fervor na década de 90. Contudo, ele renegou essa vida e assumiu-se heterossexual após começar a frequentar uma igreja fundamentalista e professar que “encontrou sua sexualidade em Deus”.

Com forte potencial polêmico, o roteiro do filme – assinado por Justin Kelley e Stacey Miller – é baseado em um artigo publicado em 2011 no New York Times sob o título “My ex-gay friend”. É comum vermos pessoas que se reconhecem como heterossexuais assumirem-se gays e mesmo no cinema isso já foi abordado (como nos filmes “O golpista do ano” e “Toda  forma de amor”, entre tantos outros), mas o caminho inverso, além de incomum, representa um tabu de difícil aceitação no mundo gay e que gera desconfiança e abertura para debates acerca de preconceito, intolerância religiosa e tantas outras reminiscências de cunho social, cultural e psicológico. É possível deixar de ser gay? Não se sabe se o filme se enveredará por esse debate. Produzido por Gus Van Sant, cineasta homossexual assumido e responsável por filmes icônicos da cultura LGBT como “Garotos de programa” (1991) e “Milk – a voz da igualdade” (2008), é possível imaginar que algum debate o filme deseje suscitar. Talvez não exatamente este.

De qualquer maneira, pode-se esperar provocação do filme que marcará a primeira incursão de Justin Kelley na direção. O E! online noticiou que entre muitas cenas sensuais haverá uma cena de sexo a três entre Franco, Quinto e o ator Charlie Carver, que já faz um personagem gay na série de TV “Teen Wolf”.

Foto postada por James Franco em seu Instagram em que surge ao lado de Quinto e Carver

Foto postada por James Franco em seu Instagram em que surge ao lado de Quinto e Carver

Autor: Tags: , , , , ,