Publicidade

Posts com a Tag The hateful eight

terça-feira, 12 de janeiro de 2016 Análises, Filmes | 17:03

“Os Oito Odiados” é um Tarantino inconformista

Compartilhe: Twitter
Cena de "Os Oito Odiados":  um filme erguido pelo desejo de resistência

Cena de “Os Oito Odiados”: um filme erguido pelo desejo de resistência

Principal estreia deste fim de semana, “Os Oito Odiados” é, também, o oitavo filme do badalado cineasta Quentin Tarantino. Em novembro, o cineasta esteve em São Paulo para divulgar o filme e comentou sobre suas principais motivações para rodar “Os Oito Odiados”.

Vale lembrar que logo depois do vazamento do roteiro do filme, Tarantino ameaçara abandonar o projeto. Voltou atrás. “Era uma primeira versão”, disse sobre o texto vazado em uma roundtable da qual a coluna participou.

Tarantino disse, ainda, que seu desejo de contribuir para o gênero do western norteou a feitura do filme. “Dizem que com três filmes você já pode ser considerado um diretor de westerns. Me falta um”, observou o autor de “Django Livre” (2012).

“Os Oito Odiados” mostra um Tarantino mais dominante dos códigos do western, mas também um inconformista. Trata-se de um filme de resistência. Não há mocinhos em cena e o passado escravagista da América, o olho no furacão de “Django Livre”, é uma sombra poderosa na construção da mise-en-scène aqui.

“Os Oito Odiados” é, sob muitos aspectos, uma crônica pessimista sobre a humanidade – e reparem no destino do único personagem não odiável em cena. É, também, um exercício de estilo dos mais referendados do roteirista Tarantino. Pouco modesto, o próprio entende ser seu melhor roteiro. De fato, é possível identificar nas bem elaboradas cenas de ‘Os Oito Odiados” as referências aos outros filmes do cineasta. É o triunfo da palavra. Nunca se falou tanto em um filme de Tarantino e os diálogos já são tidos como a especialidade da casa.

O mais teatral dos seus filmes, talvez escancare o desejo de Tarantino de se desapegar do cinema e enveredar-se pelas outras artes, como a literatura e o teatro. “Os Oito Odiados” funciona muito bem como cinema, mas talvez seu impacto como um romance, ou como uma montagem, fosse maior; mais perene. Essa inquietação, que se transfere do autor para o público que o acompanha como um mestre em sua arte, palpita em “Os Oito Odiados” como a carta de Abraham Lincoln o faz para com os personagens do filme.

Autor: Tags: , ,

sexta-feira, 7 de novembro de 2014 Diretores, Filmes, Notícias | 06:00

Tarantino fecha elenco de “The hateful eight” que ganha sinopse oficial

Compartilhe: Twitter

O novo, e obviamente muito aguardado filme de Quentin Tarantino, teve seu elenco fechado e divulgado. Ou quase. Apesar de muita comoção na internet em torno do anúncio de que Channing Tatum (“Anjos da lei” e “Magic Mike”) integraria o elenco do novo faroeste de Tarantino, essa informação ainda não foi oficializada pelo estúdio, a Weinstein Company. Mas sites bem cotados como o Deadline cravam que o acerto já foi feito.

De qualquer forma, “The hateful eight” terá um elenco de dar água na boca. Samuel L. Jackson como Major Marquis Warren, Kurt Russell como o caçador de recompensas John “The Hangman” Ruth, Jennifer Jason Leigh como a fugitiva Daisy Domergue, Walton Goggins como o xerife Chris Mannix, Tim Roth como o carrasco Oswaldo Mobray, Michael Madsen como o vaqueiro Joe Gage, Demian Bichir como o mexicano Bob e Bruce Dern como o General Sanford Smithers.

A trama se passa alguns anos depois do fim da Guerra Civil e acompanha uma diligência que cruza as invernais paisagens do Wyoming levando John Ruth (Russell) e sua fugitiva Daisy Domergue (Leigh) para Red Rock. Aos poucos eles vão encontrando os outros personagens acima citados até que os oito do título se reúnam. Com a intensão da nevasca, os personagens logo percebem que podem não chegar a Red Rock…

O filme começará a ser rodado agora em dezembro e, a esta altura, parece improvável que Viggo Mortensen e Jennifer Lawrence, atores comentados para se juntar ao elenco, entrem para a produção que deve ser gravada no Colorado (EUA). A expectativa de Tarantino é ter o filme pronto a tempo de inseri-lo nas programações dos festivais de Toronto e Veneza, realizados no segundo semestre de todo ano. O lançamento comercial está previsto para dezembro de 2015.

tarantino31f-2-web

Autor: Tags: , ,